Zuckerberg anuncia integração de mensagens entre WhatsApp e Messenger

Conheça 7 mulheres influentes no mundo do Marketing
08/03/2019
6 livros que vão estimular a sua criatividade
6 livros que vão estimular a sua criatividade
15/03/2019

Zuckerberg anuncia integração de mensagens entre WhatsApp e Messenger

Zuckerberg anuncia integração de mensagens entre WhatsApp e Messenger

Mark Zuckerberg, cofundador e diretor executivo do Facebook, anunciou no dia 6 de março, que fará a integração dos sistema de mensagens do WhatsApp, Messenger e Instagram em uma só plataforma de comunicações. Rumores sobre essa mudança já estavam no ar nas últimas semanas. De acordo com o texto publicado no blog do Facebook, a plataforma permitirá a comunicação com usuários de qualquer uma das redes sociais sem precisar trocar de app. Também haverá a possibilidade das mensagens sumirem depois de certo tempo. Isso para evitar manter um histórico de conversas, que possam ser usadas contra as pessoas em regiões que não respeitam direitos como privacidade e liberdade de expressão. O objetivo da empresa é tornar a troca de mensagens mais fácil e também mais segura.

Para Zuckerberg, uma plataforma de comunicação com foco em privacidade se tornará mais importante que as plataformas abertas de hoje e diz que a empresa está comprometida e pretende consultar especialistas para debater a melhor direção a tomar. Além disso, o processo se dará abertamente e de forma colaborativa, já que muitos desses temas afetam diferentes partes da sociedade. Ainda em sua publicação, Mark Zuckerberg comenta a má reputação da empresa em construir serviços que protejam a privacidade: “Entendo que muitas pessoas não acham que o Facebook pode ou gostaria de construir esse tipo de plataforma focada em privacidade – porque, francamente, não temos atualmente uma reputação forte de construir serviços de proteção à privacidade, mas temos mostrado repetidamente que podemos evoluir para construir os serviços que as pessoas realmente querem, inclusive em mensagens privadas e stories”, afirmou.

O primeiro passo seria tornar os aplicativos “mais privados, seguros, inclusive com criptografia de ponta a ponta”, depois disso, planejar a interação entre eles. Hoje, somente o WhatsApp trabalha com tecnologia de criptografia. Por fim, a mudança, ainda sem data para acontecer, será estendida também ao SMS, muito utilizado nos EUA.

Continuaremos acompanhando a desenvolvimento disso e compartilhando com vocês.

Leia também: Vamos falar sobre redes sociais? 

× Como podemos ajudar?